6 dicas para se destacar no mercado de construção civil

6 dicas para se destacar no mercado de construção civil

por Mais Controle

Com um meio extremamente competitivo, se destacar no mercado de construção civil se tornou uma questão de detalhes. Ou seja, fazer o básico bem feito pode garantir a sobrevivência da sua empresa, mas não vai fazer com que ela se sobressaia quando comparada à concorrência.

Então se você quer fortalecer a sua gestão de melhorar alguns processos, este artigo é para você! Separei aqui dicas que vão te ajudar a melhorar seu gerenciamento financeiro e boas práticas que são fundamentais para um bom desempenho.

Neste artigo você vai aprender sobre:

  • Comunicação entre equipes;
  • Controle financeiro;
  • Gestão do fluxo de caixa;
  • Metas claras e compartilhadas;
  • Como conquistar novos clientes;
  • Use a tecnologia a seu favor

Comunicação entre equipes

É muito fácil focar nos números e esquecer de lidar com os fatores humanos. Mas não podemos ignorar a importância de oferecer um canal de comunicação que seja acessível para todos da equipe.

A comunicação efetiva no canteiro de obras garante que as tarefas sejam executadas respeitando os padrões de qualidade e as especificações do projeto. Além disso, colabora para o alinhamento da equipe, fator determinante no cumprimento de prazos dos projetos.

Outro fator que nunca deve ser esquecido é que a comunicação clara também proporciona um ambiente de trabalho seguro para todos. 

De acordo com um estudo desenvolvido pelo Project Management Institute (PMI), a cada 1 bilhão de dólares gastos em um projeto, cerca de 75 milhões de dólares podem ser perdidos em decorrência de falhas de comunicação.

Enquanto isso, empresas que levam a comunicação a sério mantém seus projetos dentro da zona de excelência e cumprem até 80% dos prazos dos projetos desenvolvidos.

Como trabalhar a comunicação no canteiro de obras

  1. Conscientize a liderança

Seus líderes devem servir de exemplo para suas respectivas equipes. Também são excelentes aliados no cascateamento de informações. 

Além de transmitir, eles também devem ser vistos como um canal aberto para receber sugestões, reclamações e dúvidas.

  1. Faça reuniões

Analise a sua agenda com cuidado e separe um tempo para conversar com funcionários, clientes e fornecedores. 

Você vai ver que muitas ideias e soluções para problemas surgem mais rápido durante reuniões. Só tenha cuidado para não exagerar na quantidade ou duração! 

  1. Sinalize os canteiros corretamente

Mesmo na era digital, a sinalização dos canteiros ainda é muito importante. Use placas, avisos e quadros sempre que precisar sinalizar:

  • Informações sobre equipamentos de segurança;
  • Áreas de risco;
  • Procedimentos de emergência;
  • Horários de chegada e de saída;
  • Intervalos de descanso;
  • Informações sobre feriados;
  • Telefones úteis;
  • Prazos;
  • Andamento das obras.

Leia também: Trabalhador da construção civil: qual o papel desse profissional?

Acompanhamento financeiro

O cronograma físico-financeiro reúne informações sobre o avanço da obra, além dos gastos realizados até então. O que faz dele um excelente recurso para o controle de custos.

O cronograma físico-financeiro permite que gastos extras sejam identificados assim que realizados. Oferecendo ao gerente da obra tempo para ações de contorno.

Outra vantagem desta ferramenta é que, quando utilizada corretamente, além de mapear o alocamento de verba também permite auxiliar na distribuição de mão de obra, materiais ou equipamentos

Isso evita o aumento de custos por uso ineficaz ou alocações insuficientes; uma vez que a produtividade pessoal é diretamente proporcional à alocação correta de pessoas e insumos para a realização do trabalho.

planilha gratuita para mercado de construção civil

Gerencie bem o tempo dos seus funcionários

Ao delegar tarefas, preste bem atenção na complexidade e duração média de cada uma. Só assim você distribui as tarefas de modo equilibrado. Evitando que um funcionário tenha muitas demandas, enquanto outro tenha tempo ocioso.

Esta atenção evita gastos com horas-extras e te protege de possíveis problemas trabalhistas decorrentes da carga de trabalho excessiva.

Realize um bom controle de pagamentos e recebimentos

Além de ser fundamental para que você cumpra seus prazos e orçamentos, um bom controle de pagamentos e recebimentos permite que você acompanhe o seu fluxo de caixa.

Para um bom controle de pagamentos e recebimentos:

  • Organize contas e pagamentos de acordo com o vencimento

Poucas coisas são tão frustrantes quanto pagar juros de uma conta por esquecer a data de seu vencimento.

Organize todas as suas contas e pagamentos de acordo com a ordem de vencimento. E lembre-se de fazer o acompanhamento junto do departamento financeiro! Assim você evita desperdícios e garante mais precisão para os seus orçamentos.

  •  Não tenha vergonha de cobrar

Para muitos empreendedores, cobrar pode ser bastante desconfortável. Mas você precisa aprender a cobrar sem sentir vergonha.

Lembre-se: se você prestou um serviço ou vendeu algo merece receber por aquilo!

Envie lembretes e mostre para o seu cliente que você está aberto ao diálogo. Nem todos os compromissos não são cumpridos por conta de má fé.

  • Negocie com os seus clientes

Entre em contato com os seus clientes inadimplentes e ofereça uma negociação da dívida.

Entretanto, tenha em mente que esta negociação deve ser boa para ambas as partes. Então antes de se comprometer, certifique-se de que você sairá satisfeito com o que conquistou.

  • Ofereça vantagens para quem pagar antecipado

O melhor para o caixa da sua empresa é sempre receber o valor antecipado. Para que isso aconteça, ofereça vantagens para os seus clientes. Pode ser um pequeno desconto na fatura seguinte ou algum brinde. 

Integre a gestão de compras e logística ao controle financeiro

É comum que os setores de compras e logística seja um dos que mais usa os recursos das obras. Afinal, é deles a responsabilidade de adquirir recursos, bem como transporte e movimentação deles pela construção.

Por isso, é muito importante que o sistema utilizado para gerenciar as compras e a logística consiga se comunicar com o de gerenciamento financeiro.

Só assim é possível garantir a economia de recursos, boas negociações e o acompanhamento financeiro preciso.

Como comparar o Orçado Vs. Realizado

A comparação entre o que foi orçado e o que foi realizado é uma atividade importante e deve integrar suas atividades de análise financeira. 

Este acompanhamento dos custos permite ao gestor ter o controle sobre os gastos, podendo, dessa forma, traçar ações corretivas sempre que necessário.

A melhor forma de realizar este monitoramento é utilizando um software de gestão de obras. No Mais Controle, por exemplo, você pode consultar essas informações no painel principal.Elas ficam visíveis e claras, e são apresentadas para os usuários na forma de gráficos. 

O que facilita a obtenção de dados interessantes para conhecimento das despesas realizadas em relação a cada tipo de insumo necessário na obra.

Controle Pagamento de Mão de obra

Quantos funcionários estão trabalhando para suas obras atualmente? Já imaginou ter que fazer o controle de pagamento de todos os funcionários de cabeça?! É a receita certa para a confusão.

E nós sabemos como o mau controle do pagamento de mão de obra impacta diretamente outros pontos do seu escopo. Dentre eles podemos citar:

  • Produtividade;
  • Desconhecimento dos custos totais planejados;
  • Planejamento superficial, que não abrange todas as questões operacionais;
  • Falta do registro de dados históricos de informações para ajudar em novos orçamentos;
  • Falhas no fluxo de informação, que fazem surgir dúvidas e dão espaço a interpretações equivocadas.

Para o bom controle desta verba, que pode representar uma parcela significativa do orçamento, existem softwares de gerenciamento.

Estes softwares ajudam a evitar atrasos, pagamentos de valores incorretos ou repetidos. Além disso, também podem funcionar como cadastro com nomes e dados de cada funcionário.  

Controle de mão de obra para construção civil

Gestão do fluxo de caixa

Quando falamos sobre a administração de negócios, fluxo de caixa é o movimento de receitas e despesas de um negócio (ou outra entidade) em um determinado espaço no tempo. 

Se seu fluxo de caixa registra mais dinheiro entrando no negócio do que saindo dele, é considerado “positivo”. Se mais dinheiro está saindo, esse é um fluxo de caixa negativo.

Entretanto, quando aplicado à construção civil, o fluxo de caixa normalmente se refere a uma análise de quando os custos serão incorridos e quanto eles serão durante a vida de um projeto.

Ser capaz de planejar e prever é importante para garantir que um nível apropriado de financiamento esteja em vigor e que recursos adequados de saque estejam disponíveis sempre que necessários.

Como montar o seu fluxo de caixa

Software de gerenciamento de obras como o Mais Controle criam relatórios de fluxo de caixa atuais e passados ​​com base em dados já no sistema. Então não gaste horas trabalhando nisso até ver se o seu faz.

Um  bom relatório de projeção de fluxo de caixa deve cobrir três tipos de atividades de caixa:

  • Atividades operacionais

As atividades operacionais incluem sua receita de vendas, menos o custo das mercadorias vendidas, despesas de mão de obra e outros custos de fazer negócios.

Para este cálculo você deve:

1. Listar suas receitas totais projetadas de clientes e outras receitas.

2. Em seguida, subtraia deste valor:

  – Pagamentos projetados a fornecedores, subcontratados, etc;

– Despesas antecipadas com folha de pagamento.

– Despesas comerciais projetadas (licenciamento, juros, impostos, material de escritório, etc.).

  • Atividades de investimento

As atividades de investimento incluem a compra e venda de ativos fixos (edifício, equipamento, etc.).

Ou seja, o fluxo de caixa das atividades de investimento é demonstrado através do gerenciamento da quantia de dinheiro planejada para ser gasta durante o período na compra de ativos fixos e subtraindo qualquer receita antecipada da venda de ativos semelhantes.

  • Atividades Financeiras.

As atividades de financiamento incluem ofertas de ações e dívidas de longo prazo; despesas de aluguel e pagamento de dividendos. Para relatar essas atividades, você deve adicionar ou subtrair para mostrar o dinheiro que entra ou sai e fornece um total para a seção.

Metas claras e compartilhadas

Com certeza, você já reparou que as equipes envolvidas em projetos de construção civil são muito numerosas, né? Isso reforça a importância das metas, uma vez que elas orientam o seu time e garantem que todos estão trabalhando em prol do mesmo objetivo.

Isso pode parecer um pouco óbvio; se você está trabalhando em um projeto de construção civil a meta é entregar a obra concluída. Porém, como vimos anteriormente, muita coisa deve ser feita para que o seu projeto seja entregue.

As metas de gestão de obras guiam o seu projeto e contribuem nos seguintes pontos:

  • Redução no desperdício de recursos;
  • Alinhamento da equipe;
  • Manutenção dos prazos;
  • Qualidade do serviço desempenhado.

Identifique as metas mais importantes

Trabalhar com muitas metas, além de pouco efetivo, pode fazer com que você se atrapalhe e não consiga acompanhar seus resultados de maneira adequada.

Faça uma lista com todas as suas metas e ordene-as de acordo com a sua importância. Sempre levando em conta prazos, custos, desperdício e as particularidades do seu projeto.

Trabalhe com metas S.M.A.R.T.

Trazida do inglês, esta sigla representa metas que são específicas (S), mensuráveis (M), alcançáveis (A), relevantes (R) e temporais (T).

  • Quando trabalhamos com metas específicas elas têm um propósito claro e objetivo.
  • Quando elas são mensuráveis podem ser validadas por metodologias de análise de desempenho.
  • Quando são alcançáveis garantem que podem ser cumpridas pela gestão e pela equipe
  • Quando são relevantes impactam positivamente a gestão.
  • Devem ser temporais pois estão sujeitas a ajustes, caso o resultado não seja positivo.

Como conquistar clientes

Não conseguimos prever o futuro do mercado, mas podemos te ajudar a se preparar para atrair e conquistar clientes. E sabe qual é a melhor parte? A maioria destas dicas você pode pôr em prática com os recursos que já possui!

Crie um banco de cases de sucesso

Cases de sucesso são um excelente argumento de venda. Prepare documentos com os seus melhores projetos, reunindo de forma objetiva os números e informações que mais interessam ao seu cliente em potencial.

Ao montar os seus cases, pense nessas perguntas:

  • Qual dor eu ajudei a sanar?
  • Qual diferencial a minha empresa ofereceu?
  • Como posso traduzir o meu sucesso e eficiência em números?

Leve essas respostas em consideração e prepare cases variados, tendo em mente o público que você deseja atingir.

Ofereça um atendimento personalizado

Quem quer vender para todo mundo, não vende para ninguém. O seu cliente deve se sentir único. Para isso, é preciso trabalhar a sua comunicação de maneira estratégica. 

Só assim você consegue munir o seu departamento comercial com os dados necessários para um atendimento assertivo e personalizado.

Uma dica, por exemplo, é dedicar o seu tempo para montar um formulário de contato que te ajude a filtrar os clientes de acordo com suas necessidades. Além disso, é importante treinar os seus vendedores, para garantir que eles estarão sempre preparados.

Invista em um bom marketing

O marketing é um recurso fundamental para garantir que a sua empresa seja encontrada pelo seu público ideal. Ou seja, é a ponte que vai levar o seu serviço para o cliente que você tanto sonha em conquistar.

Certifique-se de que o seu site possui todas as informações sobre os seus serviços, mostre seus cases e projetos concluídos e ofereça diversas formas de contato.  

Lembre-se também de focar no seu diferencial! Destaque o que coloca o seu serviço acima da concorrência.

Compartilhe o seu Relatório de Obras

Cada cliente possui um perfil. Uns confiam de olhos fechados em todas as suas decisões, já outros sentem que precisam acompanhar de perto cada um dos avanços de suas obras. 

Um método excelente de conquistar a confiança do seu cliente é compartilhar seu Relatório de Obras.

O Relatório Diário de Obras (RDO) é o documento que registra o dia-a-dia da sua obra. O controle e a transparência dele reforçam o seu profissionalismo e comprometimento com seus clientes e investidores.

Então crie uma rotina que permita que você atualize o seu RDO assiduamente, com todos os detalhes necessários. Assim, sempre que tiver alguma dúvida, ele pode saná-la sem precisar mandar milhares de mensagens. 

Com o passar do tempo, você vai ver os efeitos positivos desta ação no relacionamento com os seus clientes.

Use a tecnologia a seu favor

Com tantas tarefas e detalhes importantes para serem supervisionados, o uso de softwares deixa de ser um luxo e se torna uma necessidade! 

Além de ajudar na automação de processos, proteção de dados e precisão, um software de gestão de obra ajuda você a poupar o seu recurso mais precioso: o seu tempo.

Conheça o Mais Controle

O Mais Controle é um software de gestão de obras que oferece uma solução integrada para a sua empresa. Nós atuamos ajudando você a otimizar e acompanhar os processos de:

  • Orçamento;
  • Cronograma;
  • Precificação;
  • Propostas comerciais;
  • Apropriação de despesas;
  • Controle de custos;
  • Fluxo de Caixa e mais!

Com uma interface intuitiva e apoio de gráficos, o nosso sistema oferece informações claras e precisas para que você tome as melhores decisões em menos tempo!

Planos e preços que se adequam às suas necessidades e verba

Um dos nossos objetivos é oferecer para você o plano que melhor se encaixa às suas necessidades. Por isso, além dos diversos planos e preços oferecidos, durante a fase de teste, nossos consultores entrarão em contato para te ajudar a entender como melhor utilizar o nosso software.

Durante as configurações iniciais, também oferecemos suporte técnico, vídeos e tutoriais. Munindo você com todas as informações necessárias para utilizar a plataforma.

Melhore a gestão de obras com o Mais Controle

Nossos clientes e suas histórias:

 Getta Empreendimentos Imobiliários 

“O sistema coloca tudo em seu devido lugar, controlando e locando todos os gastos, geração de relatórios e gráficos, além de rápida consulta aos dados quando necessário.”

Construtora Priority

“O sistema colabora no controle físico-financeiro e possibilita entender, de forma mais profunda, cada etapa da construção e, assim, tomar as melhores decisões.”

Infracon

“Todos os lançamentos são simplificados e os relatórios são de mais fácil de entendimento na visão da obra, dos gestores e dos administradores”

Lopes Cardoso Ellada Engenharia

“A parceria com a plataforma permite à Lopes Cardoso a escalabilidade de seus negócios, já que boa parte da gestão, e mesmo dos recursos humanos, podem ser pensados e criados em torno da ferramenta Mais Controle.”

ebook com dicas para gestão de obras e construção civil
Mais Controle
Escrito por
Mais Controle

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja algumas postagens relacionadas

Saiba como o Mais Controle pode ajudar nas melhores decisões!